Comunicação visual e estratégias de mídia externa

Comunicação

Uma nova empresa ao entrar no mercado enfrenta alguns desafios que outras já assam por estarem inseridas no mercado. Esses percalços ficam em torno, principalmente, de uma boa gestão financeira, da comunicação e administrativa.

Mas, em um cenário de mercado cada vez mais competitivo, as marcas que desejam se consolidar no mercado, obtendo credibilidade, precisam desenvolver habilidades que vão para além da parte financeira.

É necessário desenvolver estratégias e contar com uma equipe especializada de marketing e comunicação visual, com o objetivo de pensar o posicionamento da marca diante da população, concorrência e fornecedores.

Essa equipe é responsável pelo desenvolvimento do logotipo e identidade visual da marca, assim como de seu slogan. Esses itens são formas de reconhecimento por parte do cliente, facilitando a visualização da empresa ou da marca.

A partir disso, essa equipe especializada também está apta para desenvolver estratégias de anúncios e formas de conquistar novos clientes para a empresa, por meio de empatia e humanização na comercialização dos produtos.

As formas de divulgar uma marca, produto ou negócio são variadas e por isso é feito um estudo prévio levando em conta as seguintes questões:

  • O tipo de público;
  • O orçamento disponibilizado pela empresa;
  • Quais são os objetivos da campanha;
  • Quais setores precisam estar envolvidos;
  • Quais peças de comunicação visual serão desenvolvidas;
  • Como os resultados serão mensurados.

Por exemplo, a empresa pode optar em investir em uma mídia externa, como é o caso de um banner com ilhos, que pode ser fixado em eventos, feiras e até mesmo nas recepções das empresas.

Esse caso de mídia externa é importante porque contribui para chamar a atenção do cliente acerca de um produto ou serviço que é oferecido pela empresa.

Além disso, existem outras estratégias que podem ser utilizadas para alcançar os objetivos da empresa, promovendo a marca. Não deixe de acompanhar essas dicas no desenvolvimento deste artigo.

A personalização para uma empresa

As empresas possuem nomes próprios, logomarcas e uma identidade visual com cores predominantes não é por acaso. Isso são estratégias de comunicação visual para facilitar a visualização da marca e porque a personalização dos materiais funciona.

A personalização representa inserir todos esses elementos em objetos da empresa de modo que isso favorece que os clientes visualizem a marca, aumentando o seu reconhecimento.

No caso dos funcionários, a ação de personalizar elementos como uniformes e crachás contribuem para fazer com que o mesmo se sinta envolvido com a empresa.

Uma das ações importantes na personalização envolve a adesivação de carros, muitas empresas acabam adquirindo veículos para facilitar o deslocamento durante a realização de atividades.

Neste processo, se o caso está adesivado com o logotipo e identidade visual da empresa, ele divulga a marca por onde passa e é associado como um veículo da empresa.

Sendo assim, a ação de apostar no uso de adesivo para carros personalizado é bastante interessante para a empresa porque contribui para fortalecer e dar destaque à marca diante da concorrência.

Além dos veículos automotivos poderem ser personalizados, outros objetos da empresa também podem, inclusive, brindes para os funcionários e clientes, assim como sacolas para a distribuição de material.

Neste artigo, já falamos sobre a importância da personalização, seja de carros personalizados, mas também do uso de mídia externa que pode envolver o banner ilhos, assim como outdoors e uso de panfletos.

Neste momento, falaremos sobre outros elementos que muitas pessoas pensam não ser comunicação visual, mas que integram.

Rótulos e etiquetas: comunicação

Existem elementos que são fundamentais para comunicar visualmente algo ao cliente e que precisam de uma atenção especial das marcas. Estamos falando do uso de rótulos e etiquetas nos produtos das empresas.

O rótulo alimentar, por exemplo, exerce uma função muito importante que é a de transmitir orientações ao consumidor acerca de um produto, no que se refere à sua composição, ingredientes, quantidade calórica, modo de consumo, local de fabricação, dentre outras.

Essas informações são fundamentais para assegurar a saúde e qualidade de vida do consumidor, que muitas vezes, pode ser alérgico a algum produto e até mesmo, apresentar algum tipo de restrição alimentar.

Além do uso de rotulos de alimentos, existem orientações que são fixadas em outros produtos como medicamentos e cosméticos. Vale ressaltar que neste processo, o uso de etiquetas também merece destaque, principalmente, as instaladas em roupas e calçados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *