Etiquetas atendem empresas e produtos artesanais

Etiquetas

O consumidor precisa estar ciente das compras que faz, identificando os produtos que compra por meio de rótulos e etiquetas que estão sobrepostas nas embalagens deles.

Por isso, todas as empresas devem fazer suas identificações de maneira clara e específica para o público-alvo, inclusive seguindo regras adotadas por órgãos fiscalizadores como a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e o Código de Defesa do Consumidor.

As informações estão dispostas nos mais variados bens de consumo, desde os mais simples, como palitos de dentes até equipamentos tecnológicos, como computadores e televisores de última geração.

Por isso, as empresas precisam estar atentas quanto à comunicação visual que são enviadas para o público-alvo.

Elas devem atender às expectativas de diferentes maneiras, desde chamar a atenção em uma prateleira de supermercado ou uma gôndola de padaria até as informações obrigatórias presentes nas embalagens e etiquetas.

Proteção além da informação das etiquetas

Muitas pessoas possuem condições especiais de saúde, o que impede a ingestão de determinados ingredientes que podem fazer mal, como alergias ou mal estar.

Por isso, o rótulo alimentar deve deixar as informações bem claras e evidentes, para evitar qualquer problema jurídico para as empresas que produzem bens de consumo desse setor.

Entre as informações presentes, seguindo recomendações de órgãos fiscalizadores, as seguintes informações são obrigatórias em relação aos produtos alimentares:

  • Data de fabricação e validade;
  • Dados empresariais;
  • Quantidade em relação ao produto;
  • Modo de usar.

O poder público ainda exige a transparência quanto à matéria-prima utilizada nos bens de consumo, como produtos transgênicos ou orgânicos.

Essas informações são essenciais para que o cliente possa consumir sem nenhuma dúvida, ou evitar para que não tenha a saúde prejudicada.

Muitas embalagens ganham o reforço de etiquetas lacre em sua estrutura, fortalecendo o fechamento da tampa e do invólucro geral. É uma forma de garantir que o produto fique inviolável até o momento de ser consumido.

Caso não seja possível visualizar esse tipo de elemento, pode ser que o produto tenha sofrido alguma alteração e tanto o estabelecimento comercial onde foi adquirido quanto a empresa responsável devem ser informados e a embalagem recolhida.

A partir de então é aberto uma sindicância para verificar qual o problema que ocorreu e apresentar uma solução para o cliente, como uma forma de garantir que todos os produtos passam por processos rígidos desde a saída da linha de produção até a distribuição para os estabelecimentos comerciais.

Logística emprega elementos para proteção geral

O transporte de produtos desde a finalização produtiva e entrada no circuito de distribuição precisa ser acompanhada por meio de etiquetas que podem ser muito úteis.

Elas são desenvolvidas para identificar a data e local de saída, por meio de códigos de barras individuais e que podem ser registradas em programas específicos de computador.

Muitos produtos são transportados por meio de palets, que ficam seguros com o uso do stretch filme que mantém a integridade e retém as embalagens de maneira conjunta, desde a saída dos centros de distribuição até galpões utilizados para a estocagem.

Toda a carga pode ser protegida em relação a umidade e poeira, evitando inclusive a violação de lacres de proteção interna.

A identificação dos produtos podem reforçados a partir do uso de um adesivo casca de ovo aplicado sobre caixas de papelão, que só podem ser abertos a partir do momento de exposição em prateleiras de estabelecimentos comerciais.

Esse modelo de etiqueta é conhecido por suas características próprias que, quando removida, é dividida em diversas partes, como uma casca de ovo quebrada, pois sua base é formada por uma cola eficiente e a impressão de dados está presente no lado superior.

Artesanato utiliza identificação eficiente

As etiquetas possuem uma versatilidade quanto ao seu uso que permite o emprego nos mais diversos segmentos de identificação.

Além de embalagens industriais, o mercado do artesanato também se utiliza desses elementos para criar uma lembrancinha de maternidade diferente, com estilo e personalidade.

Elas podem ser empregadas em produtos como caixinha de lenços, pirulitos, bombons, entre outros mimos que visitantes recebem quando vão conhecer a criança após o nascimento.

Papais e mamães devem se planejar antecipadamente, indicando o que querem estampar nas etiquetas, para que possam distribuir às pessoas mais próximas ou mesmo à equipe médica que atendeu durante o parto.

Uma lembrancinha maternidade menina pode ser acompanhada de personagens relacionados ao universo feminino, conforme a escolha dos responsáveis.

São tantas heroínas, princesas e figuras históricas, que a gama é abrangente e pode personalizar de forma única o presente.

Seja nos produtos de supermercados ou artesanatos para eventos especiais, as etiquetas podem ser aplicadas nos mais variados formatos, com cores e desenhos impressos de acordo com o projeto de comunicação visual solicitado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *